sexta-feira, 26 de novembro de 2010

O festival das pipas gigantes da Guatemala







No dia primeiro de novembro, dia de todos os santos na Guatemala, as pessoas da cidade de Santiago Sacatepéquez soltam enormes pipas muito coloridas, em homenagem aos mortos.

Elas são conhecidas como barilletas gigantes, elas são verdadeiras obras de arte. As pessoas que confeccionam as pipas demoram vários dias para concluí-las. As pipas gigantes são feitas de tecido colorido e bambu e, normalmente, seu tema é religioso ou folclórico. Nos anos recentes, no entanto, algumas retratam a corrupção do governo guatemalteca.

As pipas são hasteadas no cemitério Sacatepéquez – os guatemaltecos acreditam que assim eles podem se comunicar com os mortos. Usam roupas coloridas, limpam os túmulos dos entes queridos, cobrem os túmulos com pétalas coloridas e fazem um piquenique bem no cemitério.

As pipas são lançadas ao céu no anoitecer, quando as pessoas terminaram de limpar os túmulos e já fizeram seu lanche. As maiores têm diâmetros de até 30 metros. Os ventos fortes do período logo rasgam as pipas, mas sua beleza faz todo o trabalho valer a pena.

Apesar de serem feitas para honrar os mortos, as pipas de Santapéquez recebem prêmios de melhor design

[OddityCentral]

http://hypescience.com/o-festival-das-pipas-gigantes-da-guatemala/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE