terça-feira, 9 de novembro de 2010

Foto espacial: as incríveis espículas do Sol


Imagine um cano do comprimento da Terra e tão largo quanto o estado de São Paulo – agora imagine esse cano cheio de gás quente, se movendo a 50 mil quilômetros por hora. E, finalmente, imagine que esse cano não é feito de metal, ou plástico, mas que é um campo magnético transparente.

Tudo isso descreve apenas uma das milhares de espículas ativas que a foto mostra no Sol.

Análises recentes mostraram que as espículas duram cerca de cinco minutos, começando como tubos altos e depois virando uma emissão de gás que volta ao Sol.

O que faz com que as espículas sejam criadas ainda está em discussão. [Nasa]

http://hypescience.com/foto-espacial-as-incriveis-espiculas-do-sol/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE