quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Artista alemão navega pelo Tâmisa em um barco de papel






Depois de, cuidadosamente, dobrar seu gigante barco de “origami”, o artista alemão Frank Bölter embarcou na dobradura e navegou pelo Rio Tâmisa, surpreendendo os passantes.

A sua obra foi batizada de “Para o Fim do Mundo” e fazia parte de uma exibição chamada “Drift 10”, que aconteceu em Londres. O barco foi feito de folhas gigantescas de papel usando técnicas de origami. Como foi reforçado com barras de metal, a estrutura não afundou e o artista até pôde relaxar, lendo um jornal enquanto navegava.

Esse não é o primeiro navio feito por Frank Bölter. Em 2007, ele criou um barco de Tetrapak (aquele papelão com uma superfície de alumínio das caixas de leite) e navegou

[OddityCentral]

http://hypescience.com/artista-alemao-navega-pelo-tamisa-em-um-barco-de-papel/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+feedburner/xgpv+(HypeScience)

HYPESCIENCE