segunda-feira, 27 de junho de 2011

E se a lua nunca tivesse se formado?


Você já parou para pensar o que aconteceria se um grande evento na história do universo tivesse ocorrido de forma ligeiramente diferente? Quais consequências nós veríamos?

Imagine, por exemplo, se a lua nunca tivesse se formado. Como seria a vida na Terra?

Os cientistas acreditam que o material arrancado por uma colisão titânica entre o nosso planeta recém-formado e um corpo celeste do tamanho de Marte, cerca de 4,5 bilhões de anos atrás, formou a nossa lua.

Se não houvesse essa colisão, não haveria lua. A vida na Terra seria migratória e teria ciclos de dia e noite mais curtos, se é que existiria algum ciclo.

Segundo Neil Comins, professor de física da Universidade do Maine, EUA, as grandes marés causadas pela lua, que orbitava muito perto da Terra quando se formou, levou os blocos químicos de construção da vida da terra para os oceanos, e ajudou a “agitar a sopa primordial” da vida.

Também, a gravidade da lua ajudou a lenta rotação da Terra de, inicialmente, seis horas por dia para os nossos dias atuais de 24 horas. Ao mesmo tempo, a lua estabilizou a inclinação do eixo do nosso planeta, moderando assim nossas estações.

As formas de vida em uma terra sem lua, portanto, teriam diferentes padrões de atividade por causa de dias e noites mais curtos. “As criaturas que viveriam aqui poderiam precisar migrar com mais frequência para lidar com oscilações climáticas extremas”, disse Neil Comins.

A ausência da lua também iria afetar a vida de forma menos profunda: não ter uma lua pode significar nenhuma corrida espacial, o que provavelmente significa que, ou demoraríamos mais para descobrir o universo, ou não o faríamos.[Space]

http://hypescience.com/e-se-a-lua-nunca-tivesse-se-formado/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+feedburner%2Fxgpv+%28HypeScience%29

Hypescience