quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Alerta: Buraco coronal imenso aparece na superfície do Sol


15.01.2012 – Se houver uma tempestade geomagnética de grandes proporções, tudo que utiliza energia elétrica será destruído… Desde satélites até eletrodomésticos…

O Observatório Dinâmico Solar da NASA, está monitorando um “corte escuro na atmosfera do Sol”, um buraco coronal imenso. A mancha escura pode ser observada na imagem em Ultra Violeta capturada em 13 janeiro de 2012.

Buracos coronais são lugares onde o campo magnético do Sol se abre e permite que o vento solar escape. Este buraco tem cerca de 120.000 km de largura e mais de um milhão de quilômetros de comprimento. O vento solar flui da abertura, desde abismo escuro da coroa solar e irá atingir a Terra em 16 ou 17 de janeiro de 2012, possivelmente provocando auroras para os observadores de alta latitude-céu.

Estes rasgos na supercície do Sol podem contribuir para a ocorrência de grandes explosões solares e CMEs (Ejeções de Massa Coronal) significativas. O buraco coronal esta de frente para a Terra. Os ventos solares têm tendencia a aumentar sua velocidade nestas condições.

Fonte: Spaceweather.com e http://celiosiqueira.blogspot.com/2012/01/alerta-buraco-coronal-imenso-aparece-na.html
Texto e adaptação de tradução de termos técnicos: Gério Ganimedes

FIMDOS TEMPOS.NET