quinta-feira, 13 de março de 2014

Descoberta estrela 1.300 vezes maior que o Sol


WASHINGTON, 13 Mar 2014 (AFP) - Astrônomos descobriram a maior estrela amarela jamais vista em nossa Galáxia, cerca de 1.300 vezes maior do que o Sol, de acordo com observações de telescópios do Observatório Europeu Austral, no norte do Chile, divulgadas nesta quarta-feira.

http://noticias.bol.uol.com.br

O astro gigante, batizado de HR 5171 e situado a pelo menos 12 mil anos-luz da Terra na constelação do Centauro, também está entre as dez maiores estrelas conhecidas da Via Láctea.

É 50% maior do que famosa super gigante vermelha Betelgeuse, na constelação de Orion, e aproximadamente um milhão de vezes mais brilhante do que o Sol, disse Olivier Chesneau, do Observatório da Côte d'Azur (Nice, sul da França), membro da equipe internacional de astrônomos que fez a descoberta.

"As novas observações também revelam que esse gigante amarelo tem um companheiro, uma estrela menor muito próxima, com a qual forma um sistema estelar binário", relatou o astrônomo, que classificou a descoberta como "surpresa".

"As duas estrelas estão tão perto que se tocam, e o sistema parece um amendoim gigante", afirmou Olivier Chesneau, em um comunicado.

As novas descobertas levaram a equipe de astrônomos a estudar mais a fundo observações mais antigas da mesma estrela - que englobam um período de mais de 60 anos - para ver como evoluiu.

As estrelas amarelas super gigantes são muito raras: apenas uma dúzia delas foi registrada em nossa Galáxia. A mais conhecida é a Rho Cassiopeiae.

Segundo os cientistas, elas estão entre as maiores e mais brilhantes na abóbada celeste e se encontram em uma etapa de sua existência na qual são instáveis e mudam rapidamente.
Imagem: g1.globo.com